Bem-vindo ao blog da Trupe da Pro-cura!

Ocupemos!

O que seria de uma cidade cujos habitantes vivessem entocados em espaços privados por medo da violência em espaços públicos? Na Grécia Antiga, os cidadão tinham o hábito de se reunir na Ágora, que era uma espécie de praça. Lá, mercadorias eram comercializadas e aconteciam as manifestações cívicas e religiosas. Na Ágora também eram realizados os debates políticos, o que os permitiam falar em demo (povo) kracia (governo).  Ora, sem ocupação dos espaços públicos, como é possível hoje se falar em democracia? Será que o povo só governa quando vota em um candidato em dia de eleição? A necessidade de ocuparmos  espaços públicos ficou muito evidente quando os ensaios da Trupe começaram a acontecer em lugares abertos. Foi em uma praça pública que  nos familiarizamos com a realidade de uma jovem que  trabalha com malabares nos semáforos da cidade. Foi em praça pública que tivemos a oportunidade de trocar ideias com um grupo de alunos de Jornalismo sobre a falta de espaços para promoção de cultura em Belém. Também em praça pública atraímos a atenção de profissionais da saúde para a importância da luta antimanicomial. Não é à toa  que nos últimos tempos a palavra de ordem dos movimentos culturais de Belém seja OCUPAÇÂO. É por meio da convivência em espaços públicos que tomamos conhecimento da realidade um do outro.  A rua é um espaço de todos. Ocupemos! 11427197_10203507407166300_7962760934011224732_n Risadinha é palhaça e assessora de encrenca da Trupe da Pro-cura.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s